PARTICULARES E EMPRESAS DICAS DE POUPANÇA PARA AUMENTAR A EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

O uso intensivo de energia é causa da destruição progressiva do meio ambiente e da degradação da qualidade de vida, nomeadamente pela emissões de CO2.


Torna-se por isso necessário implementar algumas medidas, nomeadamente:

  • incentivar às fontes de energia renováveis;
  • utIlizar combustíveis mais limpos;
  • gerir melhor os consumos.

  • Com a liberalização dos mercados da eletricidade e do gás natural existe uma maior eficiência no lado da oferta de energia.

    No entanto, do lado da procura (consumo) de energia, ainda existem muitos entraves para que haja um aumento da eficiência.

    A JAFPlus, no sentido de contribuir para o aumento da eficiência energética, assume o compromisso de aumentar cada vez mais a aposta na energia renovável para o consumo dos nossos Clientes e, numa ótica de promoção da responsabilização individual e coletiva, sugere algumas dicas de racionalização e maior eficiência na gestão dos consumos energéticos, que poderão representar um impacto significativo na redução da fatura de eletricidade, e de uma forma genérica na sustentabilidade do planeta:


    Dicas contratuais e técnicas de otimização do Ponto de Consumo:

  • Opção pelo plano tarifário e pelo escalão de potência adequados ao perfil de consumo;
  • Gestão do consumo, nas tarifas bi-horária e tri-horária, por forma a que o mesmo seja acumulado e taxado nos períodos económicos;
  • Recolha e comunicação das leituras do contador, como medida de monitorização dos consumos ou mudança para contador inteleigente, evitando estimativas;
  • Opção pela aquisição de eletricidade, certificada, proveniente de fontes de energia renovável;
  • Instalação de sistemas solares fotovoltaicos para autoconsumo.

  • Dicas comportamentais de poupança energética:

  • Utilização dos equipamentos elétricos em modo económico;
  • Redução do índice de luminosidade dos equipamentos que possuam ecrã;
  • Desligamento de interruptores e equipamentos das tomadas, que não estejam a ser utilizados;
  • Ajustamento da temperatura dos equipamentos de refrigeração (mais de 3ºC) e climatização (18ºC Inverno e 25ªC Verão), em função da temperatura ambiente;
  • Troca de lâmpadas incandescentes ou fluorescentes por lâmpadas led, com um tempo de vida útil maior e um consumo de energia menor;
  • Aproveitamento máximo da luz natural do dia, deixando cortinas e portas abertas;
  • Preferência por equipamentos com o selo de eficiência energética A+++;
  • Pôr as máquinas de lavar roupa e de lavar loiça a funcionar apenas quando estiverem cheias;
  • Evitar abrir e fechar a porta do frigorífico muitas vezes seguidas, optando antes por retirar ou guardar tudo o que precisa de uma só vez.

  • Para mais informações consultar:

    http://www.erse.pt/pt/planodepromocaodaeficiencianoconsumoppec/poupar/Paginas/default.aspx